sábado, 25 de fevereiro de 2017

Isso é um absurdo!

Hoje o profeta tirou o dia pra comentar alguns absurdos que ele já ouviu em relação ao Rock. Mas não aqueles absurdos comuns do tipo "rockeiros são todos ateus que tem pacto com Satanás", ou "rockeiros são antissociais reclusos que nem saem de casa e vivem passeando em cemitérios". Esses preconceitos são tão batidos que nem vale a pena serem comentados. Então vamos lá:

O baixo não serve pra nada!
Fala sério, a gente nem consegue ouvir o som do baixo! Por que ele é tão importante assim??

Pois é, existem pessoas que não conseguem afiar seus ouvidos e captar suas notas graves, muito menos diferenciá-las, o que as faz acreditar que o baixo é inútil. E essas pessoas estão certas! O baixo é inútil mesmo! Tão inútil que baixistas são sempre os mais procurados pelas bandas. Tão inútil que uma banda sem um baixo marcante perde todo seu peso e tensão. Tão inútil que uma banda pode ter 40 guitarristas, mas precisa de um baixista. Tão inútil que só inúteis acham que ele é inútil!

Este autor vai contar uma coisa que ele nunca viu alguém falando por aí, então lá vai: quando você vai num show, o som da guitarra e da voz é captado pelo ouvido, mas o som da bateria, e principalmente, do baixo, é captado pelo corpo e pelo coração. Só o baixo consegue fazer estremecer nosso miocárdio.


Elvis Presley é o inventor do Rock!
Não basta ostentar o título questionável de Rei do Rock, Elvis Presley também é conhecido por muitos ignorantes como o inventor do Rock and Roll. Dane-se Sister Rosetta Tharpe, Bo Diddley, Jackie Brenston, Carl Perkins, B. B. King, Jerry Lee Lewis, Chuck Berry, Little Richard, Bill Haley e outros criadores verdadeiros do Rock, Elvis é quem merece todos os louros por tudo!

É claro que ninguém jamais poderá tirar a importância de Elvis pro Rock. Ele foi um grande artista performático e dono de carisma e voz incríveis pra sua época, e se mantém marcante até hoje. Mas ele não é nem de longe o criador do Rock!

Falando nisso, alguns também falam que foram os Beatles quem criaram o Rock, e/ou que eles foram a primeira banda do estilo. A ignorância não é uma bênção não, gente. Faz a gente passar vergonha.

SlipKnot é Death Metal!
Na época que o SlipKnot estava estourando na MTV, na internet e nos fones de ouvido da moçada, alguns fãs ficaram tão deslumbrados com o peso da banda e com a sua performance e visual "assustadores", que chegavam a dizer que a banda tocava Death Metal. Sim, Death Metal. Obviamente, esses fãs não eram lá muito inteirados em Rock/Metal, e não conheciam Krisiun, Cannibal Corpse, Deicide, Obituary, Vader, Immolation, e outras bandas tradicionais de Death Metal de verdade. Nem em Arch Enemy eles tinham ouvido falar, provavelmente.

O SlipKnot sem dúvidas faz um som pesado e ágil, mas não chega nem perto da violência e brutalidade das bandas Death Metal, nem mesmo do peso das de Heavy Metal tradicional como Accept ou Motörhead. Não tem um vocalista cantando em gutural o tempo todo, não tem uma bateria que parece uma metralhadora, não tem nem solos agudíssimos e afiados, enfim, nada de mortífero.

Mas como dizia o filósofo, "até aí, tudo bem". Esse é o tipo de comentário que apenas leigos falam. O problema mesmo foi quando este autor assistiu a MTV um dia desses (faz bastante tempo, na verdade), e viu uma matéria gringa falando sobre o SlipKnot, dizendo que a banda se sobressaia pelo seu Death Metal. A indignação deste autor foi imediata. É por essas e outras que a MTV caiu tanto no conceito das pessoas.

System of a Down é Metal Progressivo!
Essa afirmação absurda, felizmente, este autor não viu em nenhum programa, matéria, notícia, vídeo, nada disso. Só viu na boca de fãs de SOAD que nunca ouviram falar de Dream Theater, Symphony X, EvergreyAyreon, Fates Warning, talvez nem de Rush! Os fãs devem ter achado esse gênero adequado pra rotular o SOAD, devido ao seu estilo diferenciado e complexo pra eles. Mas quando o SOAD fizer música de mais de 9 minutos, a gente conversa, ok?

Evanescence é Gothic Metal!
Primeiro, que Gothic Metal não existe. Logo, não tem como o Evanescence ser uma coisa que não existe.

Como abordado no artigo sobre Gothic Metal, bandas que recebem esse rótulo são sempre de Doom Metal ou Metal Sinfônico. E o Evanescence não é nenhum dos dois! É só um Metal Alternativo (ou Nu Metal, como queira chamar) que investe num som básico, simples e de fácil assimilação, sem nenhum elemento mais complexo e intrincado, e que por acaso, tem um tecladinho em algum lugar das músicas e uma vocalista feminina que se veste de preto. Uaaaaaau, que góóóótico!!!

The Strokes é a salvação do Rock!
Voltando ao assunto sobre a MTV ter caído no conceito das pessoas... Ela propagandeou o Strokes como a salvação do Rock. Justo o Strokes, uma banda Indie e Alternativa. E justo o Rock, que nunca precisou ser salvo! Ora, ele sempre esteve firme e forte no underground, se sustentando sozinho sem o apoio da grande mídia (a MTV está incluída nisso). Não é porque ela cansou de passar Rock nas tvs e nas rádios que ele acabou, que ele está estagnado, que não há mais bandas novas no cenário, que ele precise ser salvo de alguma coisa!

E não contente em intitular o Strokes como salvação de Rock, ainda condecorou a leva de bandas Indie que estava surgindo naquela época como a futura geração de rockeiros. Assim, Arctic Monkeys, Arcade Fire, Franz Ferdinand, Kaiser Chiefs, Kings of Leon e outras bandas indiegentes foram propagandeadas pela MTV como novas promessas, como o renascimento de um estilo morto que não estava morto de verdade. Porém, todas essas bandas passaram batido pelos rockeiros e fizeram sucesso somente entre a galerinha alternativa que vai no Lollapalooza. Não salvaram porcaria nenhuma e se limitaram a esse nicho de pessoas que está pouco se lixando pro Rock and Roll. Bela indieotice que você fez, MTV!

Aliás, o absurdo que é pensar que o Rock está morto, merece um artigo especial. Aguardem.

Absolutamente qualquer coisa sobre Happy Rock
Naquela época, este autor ainda via televisão, então ficava antenado no que a mídia falava sobre esse "movimento". Obviamente ela não falou a verdade, não falou que o Happy Rock foi só uma modinha passageira travestida de movimento, que era composta só por duas bandas (Cine e Restart), com outras duas desconhecidas que se aproveitaram da onda (Hori e Replace), e com um bando de crianças e pré-adolescentes como fãs (e que hoje, sentem vergonha alheia do seu passado colorido). Nada disso! A mídia tratou o Happy Rock como um subgênero legítimo do Rock! E é aí que começam o absurdos.

Primeiro, ela disse que Cine e Restart eram emos, ou que eram bandas inspiradas nos emos. Daonde que a mídia tirou isso, a gente não tem ideia! Emos e coloridos não tem nada a ver um com o outro!!! Porém, uma vez estabelecido que elas vinham dos emos, a mídia já começava a fazer aquela explicação de que "emo" vinha de "emotional", que era um termo dado às bandas de Punk dos anos 80, que eram mais tristes e sensíveis que o habitual, e blá blá blá. SENDO QUEEE o Emocore se originou de bandas de Hardcore que começaram a desmunhecar só a partir da metade dos anos 90 ao invés de 80, e o visual emo só veio a aparecer tempos depois. Enfim, quando se trata da mídia falar sobre Rock, é uma desinformação atrás da outra!

Só foi depois que ela passou a tratar Cine e Restart como parte do "movimento" Happy Rock, que reunia bandas (só duas kkkkk) que além da atitude alegre e colorida, uniam o Pop ao Rock Melódico. Espera, Rock Melódico?!? Rock Melódico já existe, e não é o Pop Rock com letras piegas e fracas (e Rock mais fraco ainda) executado pelo Cine e Restart! Rock Melódico é Phenomena, Stan Meissner, Mark Free (na verdade Marcie Free, porque ele mudou de sexo), Paul Laine, Stan BushJeff Scott Soto, Hardline, TalismanH.E.A.T.Shy, FM, Signal, Alias, e até bandas de Hard Rock tradicionalíssimas como Asia, Journey, Europe, Foreigner, Styx, enfim!!! Rock Melódico é AOR, não Pop Rock industrializado!


Mas nada foi tão revoltante pra este autor quanto uma matéria que passou na tv, onde o produtor do Restart, Rick Bonadio, falou que as bandas de Happy Rock eram inovadoras por seu estilo e atitude, tal qual as bandas de Rock tradicionais foram inovadoras pra sua época. Pois enquanto elas tinham atitude contestadora e rebelde, e usavam roupas pretas para se diferenciar e mostrar sua raiva e insatisfação com o mundo, os garotos do Happy Rock se diferenciavam por meio das suas cores e sua atitude alegre e alto astral, quebrando os padrões da Música, e inclusive do próprio Rock, trazendo alegria e cor para esse estilo mau-humorado e preto e branco.

Claro que não foi com essas exatas palavras que Rick falou, mas a ideia central era essa. E essa declaração deixou o profeta pasmo com o quanto Rick era habilidoso em distorcer completamente a realidade e o significado do Rock, só pra poder validar o Happy Rock como um movimento legítimo e com propósito. Com isso, ele entendeu como Bonadio conseguiu emplacar tanta porcaria nas paradas de sucesso. Rouge, Br'Oz, ET & Rodolfo, LS Jack, Manu Gavassi, Fresno, NX Zero, Gloria, o disco do Los Hermanos que tinha "Anna Julia", todas essas catástrofes foram culpa dele! E ele conseguiu vender todas elas como se fosse ouro! Rick Bonadio é foda! No mau sentido!

Um singelo engano
Dessa vez, o profeta vai contar um causo da sua vida. Estava ele na casa de parentes para comemorar o Natal, vestido com esta lustrosa camiseta que você está vendo aí do lado. Em dado momento, lhe veio um garoto maroto convidado da festividade, e lhe indagou sobre o moço que estava estampado em sua camiseta.

- Bob Marley?

...

...

...

"PORRA, MOLEQUE!!! CONFUNDIR COM O SEU JORGE, AINDA VÁ LÁ, MAS BOB MARLEY???"

Isto foi apenas o que este autor pensou. Aquela pergunta só faria sentido se ele estivesse usando esta camisa, mas como não estava, só podia ser zoeira! Sereno e abalado, o profeta se limitou a dizer "Jimi Hendrix", corrigindo a pobre criatura.

Até hoje este autor não sabe se o garoto maroto estava lhe pregando uma jocosa pegadinha, ou se ele era burro mesmo.

Esses foram os absurdos sobre o Rock que este autor lembrou de já ter ouvido. Se lembrar de mais alguns, este artigo será atualizado, Mas e você, quais absurdos seus pobres ouvidos já ouviram? Comente aí embaixo e compartilhe a ignorância. Adeusmetal.

1 orações:

Inês Castro disse...

kkkkkkkkk "Confundir com o Seu Jorge, Ainda vá lá"

Postar um comentário