sexta-feira, 25 de dezembro de 2015

Jesus Christ Rockstar

Já é Natal na Leader Magazine (Natal!)! Tem tanta coisa pra gente aproveitar: 60 dias pra pagar, é só parcelar, é bom você se apressa-ar! Sim, meus amigos, já é Natal! A gloriosa festa pagã comemorada pelos nossos camaradas nórdicos que foi deturpada pelo Catolicismo! Esses cristãos safados de repente decidiram que 25 de dezembro era dia do nascimento do filho do deus deles, e transformaram essa data num dia espiritual, dedicado ao amor, confraternização e união. Maaas... como já dizia CPM 22, "o mundo dá voltas, queridinha" (o "queridinha" foi uma adição livre deste autor). E hoje em dia, o Natal deixou de ser uma data espiritual para ser uma data comercial, a mais comercial e consumista do ano, e onde há recordes de suicídios em todo planeta! Pois é, quem rouba os direitos autorais do 25 de dezembro, também não consegue o quer quer!

Em compensação, o 25 de dezembro não é totalmente inútil, pois nesta data lembramos do nascimento de Papai Noel Jesus Cristo, que, depois de todo o panteão nórdico, é a divindade mais rockeira que existe!

E se você não acredita nisso, ou acha que é só uma brincadeira por Jesus ter barba e cabelo grande, é porque você não sabe a história de Jesus. Ou melhor, A VERDADEIRA história de Jesus. Você acha que a Bíblia conta a verdade, por acaso? Acha que aquele livro de vários autores e compilado por vários editores só fala verdades? Pois este autor tem um colega chamado Daniel Marrom que é historiador e pesquisador e que dedicou sua vida inteira para reunir a maioria de fatos mais próximos à realidade que cercam a vida de Jesus Cristo. Os resultados desta pesquisa você confere aqui em primeira mão, só na Bíblia do Rock.


Origem
Um belo dia, uma virgem adorável chamada Sandy Maria foi visitada por um anjo iluminado, que proferiu as seguintes palavras:

- Maria, você foi a premiada! Você vai ganhar um filho sem precisar fazer nheco-nheco com seu noivo José, e seu filho vai salvar geral e ganhar muitos seguidores, mesmo sem ter um Twitter!

E eis que Maria respondeu:

- O que é Tuíter?

Mesmo com essa dúvida persistindo em sua cabeça, Maria decidiu aceitar o seu destino, pois além de sempre querer ter um filho, não precisava consumar aquele ato necessário para fazer um filho. Isso era um alívio, pois tinha ouvido falar que a primeira vez doi...

Então foi Maria comunicar a novidade para José, e José não reagiu muito bem à notícia. Em verdade, ele não reagiu nada bem. Na verdade, estava furioso. José sentiu-se chifrado por Maria, e esta tentou acalmá-lo explicando que seu futuro filho fora concebido por Deus. Assim José foi possuído pela cólera, pois além de corno, não tinha moral suficiente nem para receber uma mentira ao menos convincente! E este foi o momento que, subitamente, um trovão estremeceu os umbrais e as pernas de José, fazendo-o acreditar naquela novidade.

Os meses passaram, e Maria já estava perto de dar a luz (pois é isso que acontece quando uma mulher está grávida e o tempo passa, durr), o que a levou a procurar um lugar especial para o nascimento do seu primogênito. Porém, por falta de lugar melhor, o casal foi se alojar num estábulo, pois quando disseram pras pessoas que procuravam por um lugar simples, que "não precisa ser um lugar graaande assim, pode ser humilde, com pouca coisa, que a gente não é muito de conforto e tal", as pessoas levaram a sério demais. Assim o casal esteve em companhia de um bando de animais fedorentos.

Quando chegou o momento de dar a luz, Maria lembrou repentinamente de um detalhe que não conseguiu comunicar a José, pois já estava sentindo as dores do parto e gritando de dor. O detalhe lembrado no último segundo era que Maria ainda tinha hímen, por ter se mantido virgem. E foi nesse momento que, logo no seu nascimento, Jesus realizou seu primeiro milagre: nascer. E esse belo e exótico nascimento aconteceu em 25 de dezembro em Belém. Do Pará. E foi presenciado por carneiros, bodes, andorinhas e três reis magos, chamados Mister M, Chris Angel e Davi Côper-Fílde.


Infância
Jesus se meteu em altas aventuras desde muito cedo, enfrentando as maiores confusões que até Deus duvida. Acontece que os boatos do seu nascimento chegaram aos ouvidos de Edir Macedo, o prefeito da época, que o filho de Deus vivo estava para nascer em breve. Edir, que usava livremente o nome de Deus para justificar a sua autoridade, temeu que a sua influência e poderio fossem por terra com o aparecimento do verdadeiro filho de Deus. Assim, Edir mandou secretamente as autoridades executarem todos os bebês da época.

Esta perseguição aos bebês não teve nenhuma repercussão na imprensa, já que Edir ofereceu milhões de cruzados para os veículos de comunicação jamais tocarem no assunto. Com as autoridades perseguindo Jesus, o casal celeste teve que se refugiar em diversas localidades: Formiga, Pintópolis, Anta Gorda, Nova Era, Feliz Deserto, Não-Me-Toque, Jardim das Piranhas, Pau Grande, Jijoca de Jericoacoara, inclusive a cidade de Acuzinho. Eles mudaram de lugar o tempo todo porque sempre eram caguetados por fofoqueiros e perseguidos por paparazzis.

Foi então que, em seu cansaço de tanto fugir, um raio de sabedoria iluminou a mente de José. Ele pediu a Jesus, que nesse tempo já era um menino travesso de sorriso maroto e jeito moleque, que fizesse um milagre para eles conseguirem sumir do mapa. Ora, o filho dele era filho de Deus! Porque não teve essa ideia antes? O detalhe era que Jesus levou o pedido de "sumir do mapa" ao pé da letra, e acabou fazendo um estado inteiro ser como o Triângulo das Bermudas: um local de perdição e mistério. Assim nasceu o Acre.


Jesus permaneceu escondido no Acre até atingir a maturidade, quando finalmente foi chamado por Deus para salvar o mundo da perdição.


O cara
Jesus começou sua missão fazendo um show pequeno, mas memorável, na festa de casamento de um amigo (como o desenho ao lado ilustra). Durante a festa, Maria alertou Jesus que a cerveja tinha acabado, e que todos os convidados já estavam ficando insatisfeitos com a falta de "infra-estrutura do local". Então Jesus pegou um copo d'água normal e transformou a água em vodka. Todo mundo se surpreendeu, comemorou e o reverenciou, mas Jesus disse que não parava por aí. Ele pediu um suquinho de limão e um suco de pozinho, misturou tudo, e assim fez seu segundo milagre: criou o gummy.

A nova bebida inventada começou a ser popularizada e produzida por cada vez mais pessoas, que começaram a deixar de consumir as bebidas tradicionais que eram vendidas, para beberem apenas o que já tinham condições de fazer em casa. Isso causou um grande desfalque nas vendas de bebidas alcoólicas (com exceção da vodka), e causou revolta nos empresários, que deixaram de lucrar o que sempre lucravam. Fazendo os senhores do Sistema ficarem revoltados, Jesus foi o primeiro Punk do mundo!

Enquanto conquistava a simpatia das pessoas, Ele aproveitava para espalhar suas ideias e filosofias de paz. Pregava uma nova forma de viver, em que todos se respeitassem e vivessem como irmãos, que o amor fosse a resposta de todas as coisas e que não houvesse mais ambições pessoais para destruir a união e confraternização entre os povos. Assim, além de ser o primeiro rockeiro e punk que o mundo conheceu, Jesus também foi o primeiro hippie do mundo! Mas isso era a coisa mais óbvia do mundo de observar, bastava ver suas roupas maltrapilhas, sua barba e cabelo grande, suas mensagens de paz e amor, e seu desapego às coisas materiais, que o deixavam sem dinheiro para xerocar as apostilas do seu curso de Filosofia da universidade.

Após se formar com honras na USP, Jesus peregrinou pelas cidades e provou que era mesmo brasileiro: andava sempre sem dinheiro e fazendo milagres aqui e acolá. Numa das suas peregrinações, Ele encontrou seu primo João, primo maneiro que sempre emprestava seu gameboy durante a infância. Inclusive, até hoje, Jesus não devolveu o cartucho do pokémon amarelo que pedira emprestado. Foi uma alegria quando os primos se reencontraram, tanta que organizaram uma festa para comemorar a reunião. E João já era seguidor de Deus nesse tempo, sendo um pregador e batizador, o que fez a festa ser sóbria e sagrada... tendo vinho à vontade. Jesus fez um show com sua banda tocando as músicas autorais "Stairway To Sky", "Highway to Heaven" e "Like an Angular Stone", ficou loucão e realizou milagres absurdos, como a criação do arco-íris duplo, o crescimento de galinhas (que ficaram conhecidas hoje como avestruzes), o brotamento de feijões mágicos e o nascimento do ornitorrinco.

Vendo que Jesus estava mais pra lá do que pra cá, João o levou para um riacho perto dali para dar-lhe um banho e curá-lo. Eis que então, subitamente, um forte tremor varreu a terra e as nuvens do firmamento, que se abriram para uma grande luz celestial. E ouviu-se um voz imponente e majestosa:

- Ô filhão, cê não precisava se batizar não, cê já é santo! Mas isso mostra como você é de Deus! Ou melhor, de Mim! hehe Esse é o orgulho do Papai!

Logo desceu dos céus o Espírito Santo em forma de pomba branca com um ramo verde no bico, que pousou no ombro de João, que estava ajudando Jesus a ficar de pé, ainda tentando entender o que havia acontecido. Quando Jesus se recuperou, João relatou o ocorrido e o que aquela pomba branca estava fazendo bicando seu couro cabeludo. Jesus pensou "VISH" e decidiu ir embora para o Sertão para se purificar e para se esconder de vergonha. E em homenagem a tudo que aconteceu, aquele estado onde estavam, foi batizado de Espírito Santo.


Andando pelo Sertão cheio de fome e de sede, Jesus aproveitou para pensar na missão de seu Pai, prospectando como seria a religião que estava criando. Pensou em como faria para as pessoas deixarem de seguir os deuses pop da época como Dagon, Moloch, Osíris, Ninrode e outros deuses com cabeça de animal. E pensando que Jesus já estava perdendo as forças, tanto físicas quanto nas ideias, o príncipe das trevas Ozzy Satanás surgiu de súbito naquela terra erma, com o intuito de convencer Jesus a fazer parte da religião que o adorava: o fã-clube da Xuxa. E a tentação começou...

- Bem G-Zuis, se você é filho de Deus, transforme esta pedra que seguro em pão!
- Em verdade vos digo: não só de pão vive o homem, mas também de bolo, pudim, camarão e pizza de alcachofra. E também não tô com fome agora.
- Ah não, né?
- Não.
- Sua barriga roncando é o que então?
- Ela tá dormindo.
- Ah vá!

Satanás então levou Jesus para o telhado da igreja onde as pessoas hoje fazem promessas à Nossa Senhora Aparecida. E Satanás disse:

- Se és filho de Deus, se jogue do alto do telhado desta igreja, pois não sofrerá nenhum arranhão!
- Não o farei porque já diziam as escrituras: não farás bungee jump sem corda.
- Mas você é todo-poderoso, você pode fazer isso!
- Arrá! Então você admite que eu sou filho de Deus!
- Ué, mas isso é óbvio!
- Esqueceu que você falou "Se és filho de Deus..." antes, seu trouxa?
- Putz!

Enfezado, Satanás então levou Jesus láááá altão no topo duma montanha e disse:

- Olhe tudo isto, todos esses povos e regiões. Tudo isto pode ser seu, se me adorares.
- Isso já é tudo meu, rapá! Não sou dono do mundo, mas sou filho do dono! Vai-te embora, carniça!

Jesus então atacou Satanás com um Tesouro do Céu e expulsou o safado dali. Fazendo isso, decidiu finalmente voltar para casa, agora bem-resolvido consigo mesmo e com a religião que criaria.


Outras aventuras do barulho
Isso é detalhe. Ninguém precisa saber.


Últimos momentos

Jesus já arrebanhara muitos seguidores, e sua missão na terra estava quase cumprida. Ainda havia uma última tarefa a fazer: seu próprio sacrifício. Mas, antes de ir, fez uma última jantinha com seus doze companheiros leais (uns não tão leais assim) para aproveitar seus últimos momentos. A janta foi fotografada por Leonardo da Vinci, que chamou o retrato de Última Ceia. Coisa de artista, todas as obras dele tinham que ter nome bonitão.

Durante a ceia, Ele pegou um pão grandão em suas mãos, deu graças e o partiu. E deu ao seus discípulos famintos dizendo:

- Comam, pois este é o meu corpo.

Os discípulos ficaram assustados por comer um corpo, e rapidamente beberam o vinho que tinha na mesa pra tirar o gosto. E Ele disse:

- Bebam, pois este é o meu sangue.

E assim os discípulos de assustaram de verdade! Além de comerem carne humana, beberam sangue! Porém eles não rejeitaram cuspiram a comida, pois todos sabem que é falta de educação vomitar no meio de uma janta. Ninguém queria fazer desfeita para o filho do Dono. Porém, Judas Priest Skywalker, o discípulo que foi para o lado negro da força, achou aquilo uma puta falta de sacanagem, e quis ir embora dali imediatamente. Mas para manter a aparências, Judas disse que sua esposa tinha ligado, mandando ele ir pra casa imediatamente. Jesus deixou-o ir, dizendo: "O que sua patroa mandou-lhe fazer, faça depressa".

Judas era um cara que já estava descontente há tempos com Jesus. Ele o considerava o novo messias, que tinha o poder e o direito de governar o país, pois tinha milhares de seguidores prontos para obedecê-lo e fazer revolução por Ele, se assim Ele ordenasse. Mas Jesus era paz e amor, não se interessava por essas coisas, e dizia que aquela não era sua missão. Cansado daquela reluta de Jesus, Judas ainda o seguia, mas apenas pela amizade. A gota d'água foi aquele canibalismo simbólico, e Judas não ia deixar barato. Ele estava disposto a trair Jesus, e assim o fez. Ele enviou um e-mail para o R7.com, o site da Rede Record, se identificando como um dos mais procurados seguidores de Jesus, e que estava preparado para entregar o esconderijo do hippie de Belém.

O e-mail chegou nas mãos de Edir Macedo, que ficou perplexo por finalmente conseguir achar o indivíduo que deixou seu rebanho cada vez menor, e por consequência, sua riqueza. Mas tomou cautela, se acalmou, e pensou que o e-mail se tratava de um fake. Não era a primeira vez que recebia aquele tipo de e-mail, pois houve muitos outros denunciando falsos messias, como Inri Cristo, alguns estudantes de Sociais barbudos e cabeludos quaisquer, Marcelo Camelo, ZZ Top e Bruno, o homem que se intitulava filho de Deus... Metal. Prevenido, Edir pediu provas da alegação de Judas, e eis que Judas enviou seu perfil do facebook e uma foto sua com Jesus. Edir então envergonhou-se de si mesmo, pois de tanto falar para seus fieis não acessarem a internet (para não correrem o risco de saberem que ele era um ladrão), ele acabou seguindo seu próprio mandamento e ficou desatualizado.

Sem mais demora, Macedo convocou secretamente os Gladiadores do Altar para se encontrarem com Judas, onde eles planejariam como capturar Jesus. Eles se reuniram próximos ao restaurante Cipriani, onde Ele realizava sua ceia. Escondidos a uma boa distância, os Gladiadores pediram que Judas fizesse um sinal para saberem qual dos barbudos e cabeludos daquele bando deveriam atacar, e Judas disse: "Será aquele que eu beijar". Os gladiadores então, pensaram: "Como és um servo de Edir Macedo, nós perdoamos seus pecados e também recomendamos uma das nossas sessões de cura gay depois desta missão, irmão. Amém?". E Judas respondeu: "Ow qual foi, djow, a gente é parça, vei, não é na boca não, é um abraço e um beijo só, é natural, ele faz isso com a gente, que ele é malucão, é tudo na broderagem, quase não vou encostar nele, pow". E um dos gladiadores emendou: "Então você é chegado nessas coisas também?", aprochegando sua mão da coxa de Judas. E Judas exclamou: "ow, sai, carai!".

Fora do restaurante, uma equipe de reportagem da Record já se instalava, juntamente com outros Gladiadores que faziam formação de batalha. Judas pensou: "Que emboscada sutil, hein!". E assim como os demais clientes do restaurante, os discípulos perceberam a movimentação estranha lá fora, e Jesus saiu para ver o que estava acontecendo. Nesse momento, Judas entrou em ação e se aproximou dizendo "Oi, voltei! Me resolvi lá com a Judite, eu vou poder ficar mais um pouco aqui!". Jesus então disse: "Eu sei que o selamento da nova e eterna aliança não pegou muito bem pra você, mas...", e se dirigiu para abraçá-lo e beijá-lo na bochecha. Foi então que seus lábios se encontraram com os de Judas, que também só queria beijar-lhe a bochecha, resultando num selinho acidental. Esse foi o sinal para os Gladiadores apareceram com fúria: "ATACAAAAAAAAR!!!". O vorazes servos de Edir capturaram o Salvador rapidamente e enfiaram-no dentro da van de reportagens da Record, dirigindo-se rapidamente para a sede da emissora. Enquanto isso, Judas fora perseguido por outros gladiadores que o acusavam de pecador, sodomita e g0y, que não aguentou a humilhação e se suicidou dias depois.

Toda a TV aberta foi bombardeada com as "boas" novas. "Falso pastor é preso", "Enganador é condenado", "Homem que se diz mensageiro de deus aguarda julgamento por seus crimes", entre outras manchetes que cairiam bem para os mesmos pastores que faziam as acusações. Mas isto era só o começo, pois um grande circo foi armado com Jesus. E Ele foi posto em praça pública para ser protagonista de um show de humilhação: o povo deveria decidir se queriam a liberação de Jesus ou de Suzane Von RixTóFen, uma meliante conhecida na época por ter arrastado os próprios pais 7 km do lado de fora de um carro, e ainda tê-los jogado do alto da janela de um apartamento. A votação foi assim:

- Boa noite, amigos da naaaaaaave! Se você quer que Suzane vá para a crucificação, ligue para 0500 2033 001, e se você quer que Jesus seja condenado, ligue para 0500 2033 02! Enquanto vocês votam, vamos dar uma espiadinha?

Passou um tempo... Jesus era chicoteado... a boa moça branquinha Suzane chorava... e o povo votava.

- Ligações encerradas! O eliminado desta vida foi... Jesus Cristo! Suzane, você volta para a liberdade, e olha: tem uma casinha novinha esperando por você! Cortesia do Gugu!

Assim, Jesus foi crucificado.



A Ressurreição
Três dias depois da morte do filho do Dono em rede nacional, Ele voltou à Terra. E as primeiras pessoas que o viram foram os Discípulos de Emaús, uma banda underground que se inspirou nos ensinamentos de Cristo. Depois de uma rápida jam com a banda, Jesus foi se encontrar com Maria Madalena, uma ex-paniquete que dedicou sua vida ao Salvador depois de ser salva pelo barbudo. Ela ainda estava cabisbaixa por ter perdido seu amante (lembram-se que foi Daniel Marrom que contou essa história pra este autor? Pois então, tá explicado esse fato controverso). Ela estava tão cabisbaixa que nem notou quando Ele pareceu andando em direção oposta à dela. Jesus ficou "quê?" por ser ignorado, e a chamou.

- Olá, Maria!
- Oi... snif, snif.

Maria se tocou de que era Ele e abriu o berreiro, gritando.

- AAAAAAAAAHHH ZUMBI!!!!! SOCORRO!!!!! CADÊ MINHA GARRUCHA QUANDO EU PRECISO DAR UM HEADSHOT NESSES ZUMBIS!!!!!1 AAAAAH!!!111!!"
- Ô Maria, sou eu!
- É NÃO!
- É sim!
- NÃÃÃÃÃO!!!
- Eu tô vivo!
- Eu só acredito vendo!
- Pois então, veja!

Maria parou de correr abestalhada e virou a cabeça para trás lentamente... e o viu, esplendoroso...


... e ainda assim, ela saiu correndo de medo.

- Que isso, Maria? Você não disse que só acreditava vendo?
- Disse, mas não era pra me mostrar não!
- E como é que vai ser agora, Mah?
- Vai ser assim mesmo, eu sem acreditar e você sem me mostrar!
- E a nossa sociedade, nossa velha amizade? Vão se acabar?
- Já acabaram! É contra meus princípios fazer sociedade com defunto!
- Mas estou vivo! Eu disse que ia voltar depois de três dias!

Maria lembrou dessa promessa, e finalmente acreditou. Ela se alegrou e foi junto de Jesus contar as boas novas para os discípulos, que estavam reunidos fazendo apostas sobre ele voltar naquele dia ou não. Tomé acabou perdendo a aposta.


Conclusão
A história de Jesus é linda, é beautiful. Ele foi o precursor de um estilo musical que ainda não havia sido criado! É como, sei lá, tocar "Johhny B Goode" antes de Chuck Berry, como fez aquele carinha do De Volta Para o Futuro. E este autor espera que você tenha se inspirado nessa história e pregue mais amor e paz na sua vida... e com muita cachaça pra acompanhar. Este autor fica por aqui, pois ele tem que terminar de comer a ceia, e você fica por aí fazendo sei lá o que. Adeusmetal \m/

0 orações:

Postar um comentário