terça-feira, 1 de dezembro de 2015

Estereótipos: letras típicas

Todo estilo musical fala de alguma coisa. O Pop fala de amor. O Reggae fala de paz e amor. O Rap fala que tá faltando amor em SP. O Sertanejo fala de amor que acabou. O Forró também. Caramba, todo mundo fala de amor... Como dizia Frank Zappa (aliás, ele ainda deve dizer, porque ele ainda não morreu), "Existem mais canções de amor do que qualquer outro tipo. Se canções influenciassem as pessoas, amaríamos uns aos outros".

Mas então, do que o Frank fala? Do que o Rock fala? Do que o Metal fala? É isso que você não vai descobrir nesse artigo! Cada estilo de Rock e Metal com sua letra:

É meu defeito, eu bebo mesmo
Beijo mesmo, pego mesmo
E no outro dia nem me lembro
É teeeeenso demais!

Eu canto assim porque eu fumo maconha
Adivinha quem tá de volta explorando a sua vergonha
Eu sou melhor do microfone, não dou mole pra ninguém
Porque o Grateful Dead ainda gosta da mary jane
A mente aguçada, mermão, eu sei que isso te espanta
Mas eu continuo queimando tudo até a última ponta
Eu continuo queimando tudo até a última ponta
Eu continuo queimando tudo até a última ponta
(...)

*introdução de 6 minutos*
Não há correspondência biunívoca entre ligações lineares
E enquanto canto isso, sua cabeça vai pros ares
*solinho de teclado de 4 minutos*
A simetria de escala na transversalidade
O caráter pático não-discursivo da expansão
Todas estas dimensões nos removem da lógica
E também do entendimento desta canção
*introdução ao solo de 4 minutos*
*solo de baixo de 1:32 minutos*
*solo de guitarra de 7:48 minutos*

...

EU ODEIO O GOVERNO!!!
*tchãnãnãnãnãnãnã*
EU ODEIO O SISTEMA!!!
*tchãnãnãnãnãnãnã*
EU ODEIO OS MEUS PAIS!!!
*tchãnãnãnãnãnãnã*
E EU NÃO GOSTO DO MEU PROFESSOR DE MATEMÁTICAAAAAAA
ANARQUIA (OI! OI!)
ANARQUIA (OI! OI!)
ANARQUIA (OI! OI!)
ANARQUIA (OI! OI!)

Yeeaaaaaaaahhhhmmmmm
A vida é uma merda...
Tô malzãooouuhmmmmmmm
Blããããaaaaaaaaaaarhhhhhhh
Eu eu só quero GRITAAAAAAAAAAAHHHH
UM CAFUSOOOOOO
UM ALBINOOOOOO
UM MOSQUITOOOO
MINHA LIBIDOOOOO
EEEEEEEEEEEEEEEHHHH

Fumikomuze akuseru
kake hiki wa naisa sou dayo
Youru wo nukerou
Nejikomu sa saigo ni
sashihiki zero sa sou dayo
Hibi wo kezurou
Kokoro wo sotto hiraite gyutto hiki yosetara
Todokuyo kitto tsutau yo motto sa aa
Iki isoide shiboritotte
Motsureru ashi dakedo mae yori zutto sou tokue
Ubaitotte tsukandatte
Kimi ja nai nara imi was naniosa
Dakara haruka kanata
*vinheta do SBT falando "Naruto"*

Eu mudaria até o meu nome
Eu viveria em greve de fome
Desejaria todo o dia a mesma mulher
Por vocêêêêêêêêê
Por você
Por vocêêêêêêêêê
Por você
*'Brigado galera, essa foi nossa versão desse clássico (a 8234ª versão feita dessa música, inclusive)! Agora pra próxima música, a gente vai tocar... outra versão! Dessa vez, do Legião Urbana!*

I see faith in your eyes
Never you hear the discouraging lies
I hear faith in your cries
Broken is the promise, betrayal
The healing hand held back by the deepened nail
Follow the god that failed

Miniminiminimini low
Birubirubirubi uow
Lesbian fucking lesbian power
I hate to take a shower
I'm so hype, I'm so happy
I sniff cocaina
I like boys, I like gays
Mas hoje eu vou catar uma mina

Não dá pra ser feliz no mundo em que vivemos (Ah, eu sou emo)
No show do Simple Plan nós dois nos conhecemos (Ah, eu sou emo)
Quando vejo você, meu amor, sempre tremo (Ah, eu sou emo)
Não agüento mais sentir tanta dor assim...
To tentando alargar o buraco do piercing
(Ah, eu sou emo!)

Walking in the dark
Now there's just some cookies
It's not for you
I know it's not yet
I just can't explain
it melts in my mouth
Dying to me now is popcorn

MATAR! SOCAR! ESFAQUEAR! SANGRAAAAR!
Por que o thrasher está tão irado?!
Eu não tenho ideia!
Mas estou triste...
EU QUERIA FERIR TODOS VOCÊÊÊÊS!!!
Mas tenho que chegar em casa ao toque de recolher.
E até que eu me liberte de todo esse amor
Que minha família "supostamente" dá para mim
Eu vou sentir RAIVA!
SEM DROGA
DE RAZÃO
NENHUMAAAAAAAAAAHHHHH!!!

Faça elevar o cosmo no seu coração
Todo o mal combater, despertar o poder
Sua constelação sempre irá te proteger
Supera a dor e da forças pra lutar

Meu ursinho
PUUUUUUUUUUUUUUHHHHHHHHHHRRRRRRRRR
Meu ursinho
PUUUUUUUUUUUUUUHHHHHHHHHHRRRRRRRRR

BOOOOOOOORRRRRRRHHHHHHHHHHHHHHHHHHH
GRUUUUUUUUUUUUUHHHHHHHOOOOOOHHHHHHH
BOWOOOOOOOOHHHHDIOOOOOOOOOOOHHHHHRR
IAAAAAAAAAHHHHHHHHHHHHH666RRRRRRRRRRR

BUUUUUUUUUUUHHHHHHHHHRRRRRRRRGGGGGGG!
*'Brigadão galera, nossa próxima música se chama "Disturbed Plague In Rotten Fucked Bones Stained By Evil Blood From Raped Corpses", e ela é mais ou menos assim...*
GWOOOOOOOOHHHHHHRRRRRRAAAAAAAHHHHHH!

Me junto aos pedaços
Me desmonto aos poucos
Minha existência sem rumo
Me deixa em prantos

A cada segundo me aproximo da morte
Mas assim me livro desse martírio
Que é a vida sem vida e sem norte
Que só deixam em minh'alma um vazio...

Eu tô com fome! Quero lasanha!

0 orações:

Postar um comentário