segunda-feira, 28 de setembro de 2015

Teses e constatações [06]

Os especialistas e pesquisadores da área de ciências rockeiras estavam reclamando que não estavam trabalhando, então aqui vai os últimos resultados das suas pesquisas:

Rockeiro não tem empregada...
Tem roadie.

Os shows do Gangrena Gasosa podem ser resumidos com fidelidade por Ivete Sangalo:
Tem gente de toda cor, tem raça de toda fé, guitarras de rock'n roll e batuque de candomblé.

Brasileiros costumam ser patriotas apenas em tempos de Copa do Mundo.
E rockeiros brasileiros costumam ser patriotas só quando bandas nacionais são reconhecidas no exterior.

Existem bandas que são únicas, que jamais terão suas qualidades copiadas ou reproduzidas por bandas posteriores.
O AC/DC não é uma dessas bandas.

Baixistas em bandas de Metal melódico são como colares.
Só servem de enfeite.

99% dos integrantes de bandas de Metal melódico são adeptos do poliamor.
Não existe fidelidade a uma banda apenas, sempre tem um casinho, ou "projeto paralelo".

Metal Progressivo é como um filme cult:
Tem fãs metidos a gênios que dizem que o estilo é rejeitado porque as mentes mundanas não compreendem sua complexidade.

Estimativas apontam que a soma de 50 músicas de Grindcore...
... possuem, em média, a mesma duração de uma introdução de uma música de Progressivo.

Quando um rockeiro pergunta a outro rockeiro quais bandas ele ouve...
... só as bandas clássica são lembradas. O cérebro rockeiro só lembra das bandas menos famosas minutos depois.

Perto de ir pra Valhalla, o rockeiro tem três opções:
1. Dar sua coleção de discos a um herdeiro de confiança
2. Vender toda sua coleção de discos a um sebo
3. Ser enterrado junto com sua coleção de discos

0 orações:

Postar um comentário