domingo, 6 de setembro de 2015

Sunday songs [06]: AOR

Hail! Você não pediu por isso, mas este autor vai dedicar esta playlist exclusivamente para apresentar bandas de AOR! Se você leu o artigo "Pedras e metais preciosos", já tem uma ideia do que se trata esse tal de AOR: é um subgênero do Rock que ganhou repercussão durante as décadas de 80 e 90, mas que acabou tendo uma fama underground por conta de bandas de Hard e Glam Rock - e posteriormente Grunge - que não deixavam a espaço para nenhum outro tipo de Rock na época.

O AOR é mais conhecido por suas letras e músicas melódicas, sempre abordando amor e demais sentimentos, sempre numa sonoridade mais cadenciada e ritmo contido. Aliás, tem bandas que se você ouvir, já entra em depressão. Então, se você considera Pablo do Arrocha o rei da sofrência, é melhor repensar.


Mas para o bem dessa playlist, este autor só escolheu músicas animadas. A partir daqui já dá pra você sentir as características essenciais do estilo: refrões contagiantes, melodia pegajosa, vocal de voz limpa, esse cheiro de mofo dos anos 80 que conseguem a façanha de não irritar o seu nariz e não te fazer espirrar...


Apesar de serem conhecidas apenas como bandas de "Hard Rock típico dos anos 80", bandas como o Boston, Foreigner, Journey, Survivor, Europe e outras conseguiram emplacar grandes sucessos e marcaram o AOR na história do Rock, por meios dos seus hits e clássicos. Um desses clássicos é este abaixo.


Mesmo que o AOR tenha ficado no underground, as bandas gozavam de certa estabilidade e carreira musical, já que todas as canções dos seus álbuns eram aproveitáveis e agradáveis, e assim, as bandas puderam manter contratos com suas gravadoras, continuaram a fazer shows, a lançar álbuns, enfim. Isso nos mostra uma lição: sucesso é diferente de fama.


Apesar disso, não seria nada ruim se o AOR tivesse mais notoriedade e viesse ao mainstream, pois assim saberíamos e conheceríamos com facilidade vários tesouros e achados, como este abaixo. Pode-se dizer que o AOR é um celeiro de bandas injustiçadas.


Mas como já dizia o filósofo (desconhecido que deve ter morrido pobre), o Rock é eterno, e o AOR também. Por isso, as bandas antigas de AOR continuam na ativa até hoje, e existem bandas novas prontas pra levar essa tradição à frente.


E isto é tudo, pessoal! Se você quiser entrar de cabeça nesse estilo, existem dezenas de blogs sobre o assunto. Mas se quiserem um álbum pra começar, este autor recomenda "Excess All Areas" do Shy. Adeusmetal.

Bônus:

0 orações:

Postar um comentário